Archive for October, 2008

pro c******

Posted: October 29, 2008 in Uncategorized

Advertência:

As palavras que se seguem podem ser consideradas chocantes ou ofensivas, pelo que aconselho aos mais sensíveis a pararem desde já a sua leitura. O conteúdo deste post é apenas para adultos e ainda assim nem todos.
Considerem-se avisados!

Estou farta. Mas mesmo fartinha de todo!
Oh mundinho de merda, cheio de gente ranhosa e ordinária. Anda meio mundo a foder o outro meio e ainda se dão a ares de senhores benevolentes.
A crise é mais que muita e o dinheiro já nem chega a ser pouco, que para ser pouco era preciso haver algum. Mas aparecem uns filhos da puta que acham que 450€ de salário mínimo é demais. Devem estar com medo que o povinho apanhe alguma overdose de salsichas.
A igreja usa o dinheiro dos fieis, para dar concertos, comprar roupinhas de marca e outros luxos que tais… a fogueirita de outros tempos já fazia cá falta mas ficavam bem como inquilinos os antigos senhorios.
Não se pode dar dois passos na rua sem que chegue um caralho ao lado a pedir esmolinha para os pobrezinhos. Quanto? O que quisermos dar. Tem graça, se eu der 5€, qual é a percentagem entregue aos destinatários? Eu não dou nada a ninguém sem que fique registado quanto dei. De boas intenções está o inferno cheio.
Quando nos negamos a dar, ainda somos insultados. Vão comer no cú!
“Dê-me qualquer coisinha, é para comer.”
“Vamos ali ao café que eu pago-lhe uma sopa.”
“Ai, eu preferia dinheiro.”
“E eu prefiro que bazes rapidamente antes que arranje forças para te dar com qualquer merda nos cornos!”

E já agora, os filhos da puta que nos andam a sabotar, porque alguém o tem que estar a fazer, ou isso, ou o azar é tanto que quando sair à rua cai-me um avião na pinha, que tenham uma caganeira daquelas!!!

Advertisements

orgulho

Posted: October 21, 2008 in Uncategorized

Somos tão mais pequeninos quando esquecemos o tanto que por cá existe para ter orgulho!

façam-me o favor!

Posted: October 17, 2008 in Uncategorized

Se há coisa que me irrita é deixarem-me daqueles comentários que são pau para toda a obra, ou seja uma espécie de publicidade própria ou alheia, seja em forma de poema de anúncio ou do raio que os parta e iguais para toda a gente. Comentam um velório, um casamento ou um nascimento sempre da mesma forma. Ora façam-me o favor!!!

Quando não tiverem nada a dizer. CALEM-SE!!!

desafio (2?)

Posted: October 6, 2008 in Uncategorized

A Cris desafiou e eu…

6 Coisas com que me preocupo:

– Comigo (inclui-me apesar de não ser coisa) 😛 ;
– Com os que gosto (que também não são coisas 😀 );
– A hora de acordar amanhã;
– Quanto tempo terei trabalho;
– Se fui demasiado brusca;
– Com a protecção do ambiente;
– Ter opinião própria.

6 Coisas com que não me preocupo:

– Quem casou, descasou e encornou (embora de vez em quando aprecie uma fofoca);
– Marcas;
– Opiniões alheias;
– Seguir tendências;

6 Coisas de que eu gosto:

– Deitar-me tarde e acordar tarde;
– Escrever;
– Ouvir musica e cantar;
– Ler;
– Dançar;
– Apaixonar-me;
– Sair só com mulheres;
– Viajar;
– Ouvir chover no quentinho da cama;
– Chorar;
– Receber na minha casa os amigos;
– Fazer compras;
– Ouvir estórias;
– Uma boa massagem;
– Uma boa discusão;
– Acordar enroscada “naquela” pessoa;
– Rabujar;
– …gosto de viver!

6 Coisas de que não gosto:

– Café quente;
– Água fria;
– Bichos (não confundir com animais!);
– Gente fútil;
– Intolerância;
– Preconceito;
– Prepotência;
– Falta carácter;
– Falta de memória.

6 Coisas que me fazem sorrir:

– Uma boa piada;
– Uma situação caricata;
– As memórias;
– Os meus amigos;
– Os meus menos amigos;
– Uma flor;
– Um dia de sol;
– Uma noite de chuva;
– Um mimo;
– Estar apaixonada.

6 Coisas que me entristecem:

– Ganância;
– Abandono;
– Injustiça;
– A doença;
– O “carneirismo”;
– Intolerância.

6 Coisas que me definem:

– Despistada;
– Desastrada;
– Bem humorada;
– Impulsiva;
– Sonhadora;
– Desbocada;
– E como se viu… desobediente 😉

Agora devia passar o desafio a seis leitores… ora nós por cá semos poucos… vai só para o Cd, porque me parece que também anda com pouca inspiração e porque me parece que me saberá arrancar umas gargalhadas com as respostas…

 

Adenda: A Patrícia também me desafiou, como disse a Cátia. E esqueci-me de uma característica muito importante… sou teimosa que nem uma mula! 😀 (um amorzinho de mula)

dar musica

Posted: October 2, 2008 in Uncategorized

«Ó meu rapazinho, ai
eu digo assim:
“- Se não me seguram
dou cabo de ti!”»